SINDIÁGUA-PB

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Purificação da Água e em Serviços de Esgotos do Estado da Paraíba

Leiam: Ricardo Coutinho assume não descartar a privatização para a CAGEPA

8 de janeiro de 2013

Assim como anunciamos na nossa última edição do jornal, com relação ao Conselho Gestor de Parceria Público-Privada do estado da Paraíba, criado com a intenção de entregar a Cagepa e outros setores ao capital privado, agora, o atual governador, com um discurso de direita, já não descarta uma possível privatização da empresa como saída desesperada da crise financeira, usando como um dos pontos de defesa a folha salarial alta e a contratação dos concursados, conforme entrevista abaixo, publicada no último dia 06/01/13 no portal correio (www.portalcorreio.uol.com.br) e no jornal Correio da Paraíba impresso de mesma data. Vejam abaixo:

– O senhor já recebeu alguma sugestão?

– Nunca. O que eu ouvi, foi dizerem: “é do Governo, vamos votar contra”. Chegando ao cúmulo de uma resolução dessa, nitidamente golpista. E, chegando ao cúmulo de prejudicar a Cagepa, que não tem culpa. A Cagepa foi estuprada e não foi no meu Governo. Tem muita gente na Assembleia que passou ou foi cúmplice disso e não fez nada. O que está acontecendo aqui dentro? Nós vamos perder uma companhia porque o povo não pode estar pagando R$ 5 milhões, R$ 6 milhões todo mês para tapar rombo. Isso chegou no limite. Eu vou construir qualquer saída que seja [para a Cagepa].

– Essa saída incluiria a privatização?

– Essa saída é qualquer uma que seja. O que o Governo não tem como, é todo mês pegar R$ 6 milhões para cobrir um rombo, para pagar juros a banco e pagar uma folha, que não para de crescer. Ao mesmo tempo é uma companhia que se sente amordaçada, que se for instalar um hidrômetro, não pode contratar uma empresa porque dizem que seria terceirização. Por conta disso, tem que contratar um concursado. Nós não estamos na época de Getúlio Vargas e a companhia não pode sobreviver dessa forma. Estou no aguardo da Justiça para que a gente possa salvar a empresa. Porque, repito, é só picuinha negar que o Estado seja avalista [do empréstimo]. Alguém negar isso e achar que está fazendo isso em nome do povo.

O STIPDASE-PB juntamente com seus trabalhadores estão sempre vigilantes e informados para enfrentarmos os problemas unidos para as lutas futuras. Desde os primórdios da existência do STIPDASE-PB, lutamos contra a privatização e suas outras formas de entregar o patrimônio público ao capital privado, no caso as PPPs, uma forma maquiada de privatizar.

Não será o governador Ricardo Coutinho ou outro que sucede-lo que privatizará a Cagepa, pois estaremos preparados para o confronto. A cagepa é patrimônio público e assim deve permanecer!

Fonte: Portal Correio e Jornal Correio da Paraíba

A DIRETORIA

%d blogueiros gostam disto: