SINDIÁGUA-PB

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Purificação da Água e em Serviços de Esgotos do Estado da Paraíba

Mesmo após intensa negociação, entidades são traídas por deputados da oposição

11 de agosto de 2012

Os trabalhadores da CAGEPA vêm de público, repudiar esses ditos representantes do povo, que a nosso ver são traidores da Paraíba, porque entendemos que usaram o aval do empréstimo à CAGEPA para atingirem o governador. Infelizmente, esse confronto mesquinho entre oposição e situação governista acabou com a oportunidade de tentar salvar a situação financeira da Cagepa. Na última Quarta, dia 08, a Assembleia Legislativa da Paraíba arquivou o pedido de autorização do Governo do Estado para avalizar um empréstimo de até R$ 150 milhões para a Companhia.

Depois das entidades representativas dos trabalhadores da CAGEPA e da CUT-PB negociarem um entendimento e condições para a aprovação do aval do empréstimo com os deputados oposicionistas, eles fizeram jus ao voto de oposição de fato e não se sensibilizaram com clamor da sociedade e dos trabalhadores.

Em reunião com a oposição desde a última terça-feira, discutimos para que os deputados propusessem as condições reais para a aprovação e chegar a um consenso, mas somente foram expostas as dúvidas, que segundo eles, ainda existiam e reconhecemos que algumas fazem sentido e devem ser esclarecidas, porém não houve proposta.

Durante a sessão, o deputado Gervásio Maia levantou mais uma vez a questão dos altos salários e disparou para todos os lados na tentativa de fazer valer seu voto, usando dados incorretos e mal interpretados como sendo gerais na empresa. Percebemos que o deputado faltou com a verdade e agiu de má fé para com as entidades, que lutava para que o imbróglio tivesse outro fim.

No fim, 20 deputados foram favoráveis ao empréstimo e 15 foram contrários, mas a maioria dos votos não bastou para a aprovação do projeto, já que a Procuradoria Jurídica decidiu que isso só seria possível com quórum qualificado, ou seja, 22 votos.

Assim como nas últimas duas semanas, o STIPDASE-PB esteve na Assembleia Legislativa, juntamente com a CUT, STIUPB, ASSECA e ASTECA, e levou centenas de trabalhadores para clamar pela aprovação do empréstimo, na tentativa de sensibilizar os deputados, que deram as costas ao protesto dos trabalhadores.

Destacamos os deputados Anísio Maia e Luciano Cartaxo, que jogaram o compromisso assumido com as entidades representantes dos trabalhadores na lata do lixo, usando artifícios covardes e oportunistas para tentar ganhar a opinião pública e justificarem seus votos, criticando nossos salários, mesmo sendo pertencente ao Partido dos Trabalhadores (PT), fazendo o jogo de Gervásio Maia e Vituriano. Não podemos esquecer o destemperado Anastácio, que tanto o MST aguarda nas urnas. Esse deputado que se diz homem de “Deus” vem criticando o movimento sindical por defender a única empresa pública da Paraíba, hoje é um cadáver a serviço do latifúndio.

2014 vêm aí, estaremos de olho!

 

%d blogueiros gostam disto: