SINDIÁGUA-PB

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Purificação da Água e em Serviços de Esgotos do Estado da Paraíba

Sindiágua-PB recebe Ricardo Coutinho para Tarde de Autógrafos nesta quinta (14), às 16h

13 de outubro de 2021

COMPROMISSO

Livro de autoria do ex-governador tem um dos capítulos dedicado à política de saneamento público e à recuperação financeira da Cagepa.

Nesta quinta (14), às 16h, o Sindicato dos Trabalhadores da Indústria da Purificação e Distribuição de Água e em Serviço de Esgotos do Estado da Paraíba, SINDIÁGUA-PB, vai receber em sua sede o ex-governador Ricardo Coutinho (PT), autor do livro “Gestões de Ricardo Coutinho 2011-2018”, para uma Tarde de Autógrafos.


Na obra, em um dos capítulos, o “Água para quem precisa: o fim da crise hídrica”, o ex-governador narra o plano, elaborado por seu governo, para garantir segurança hídrica por um período de 30 anos na Paraíba, e apresenta o relato das decisões que foram tomadas para recuperar financeiramente a Companhia de Água e esgotos da Paraíba (Cagepa). “É por esse compromisso com a política de saneamento público e com a perspectiva de que água é um bem comum e direitos de todos que nós do Sindiágua-PB vamos receber Ricardo Coutinho com muita honra, pois ele sempre demonstrou seu respeito com os trabalhadores da Cagepa e com a própria Cagepa. Ricardo sabe que a água é um direito humano e que jamais pode ser privatizada, nem tampouco o saneamento pode ser colocado nas mãos de quem só pensa em lucro e não tem comprimisso com a vida humana, como é o caso das empresas privadas e é por isso que nós nos sentimos lisonjeados de poder receber o livro das mãos do ex-governador e de podermos conferir sua narrativa em relação à política de água e esgoto na Paraíba”, disse Geraldo Quirino, vice-presidente do Sindiágua-PB.


O Sindiágua-PB espera receber seu conselho estadual, assim como parceiros na luta contra a privatização e em defesa do serviço público para este momento, além das organizações que estão nas ruas denunciando o desgoverno federal e as inúmeras tentativas de destruir o Brasil, o serviço público e o povo brasileiro, que hoje enfrenta a fome, a pobreza, o desemprego e a carestia como resultado do governo Bolsonaro.

ASCOM SINDIÁGUA-PB

%d blogueiros gostam disto: