SINDIÁGUA-PB

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Purificação da Água e em Serviços de Esgotos do Estado da Paraíba

STIPDASE-PB E DEMAIS ENTIDADES PARTICIPAM DE REUNIÃO PARA DISCUTIR FUTURO DA CAGEPA

18 de agosto de 2012

Companheiros e Companheiros, na última Quinta-feira (16/08) estivemos reunidos com a Diretoria da CAGEPA e demais entidades (STIUPB, ASSECA e ASTECA), juntamente com os gerentes regionais e outros convidados, para trocarmos ideias sobre o rumo da empresa daqui pra frente. A reunião aconteceu das 09h00minh às 18h00minh no auditório do distrito de Marés, com muita discussão em torno do aval do empréstimo e do futuro da nossa empresa, onde pudemos apresentar sugestões, críticas e tirar encaminhamentos. Foi uma primeira conversa e um avanço, uma vez que, sempre reivindicamos esse tipo de evento.

O Presidente, Deusdete Queiroga, iniciou os trabalhos falando de todo o imbróglio em torno do pedido do aval de empréstimo da CAGEPA à Assembleia Legislativa da Paraíba e da nossa participação na defesa da CAGEPA, que julgou muito importante unir os laços para defender a instituição e que se faz necessário continuar dessa forma, todos unidos, para encontrarmos soluções de saída dessa situação caótica.

Cada diretor expôs um pouco de cada área, falando do que já foi feito de investimento e o que está fazendo, diante do quadro em que encontraram a empresa:

Na área de Operação e Manutenção: Estão resolvendo a situação de municípios sem água tratada através de parceira com as prefeituras para a construção de adutora; reformas serão feitas em todos os regionais (ETAs, EEAB, EEE, reservatórios, etc.) potencializando as prioridades, através de verbas do governo estadual destinada a melhoria do saneamento básico.

Na área Comercial já foram instalados 140.000 hidrômetros, contratados em torno de 350 funcionários da área, mas é preciso dobrar o número de ligações e contratar mais empregados e melhorar o serviço á população e de arrecadação. Há uma projeção de compra de 103.000 hidrômetros para a substituição dos mais antigos na rede, priorizando João Pessoa, Campina Grande, Santa Rita, Bayeux e Cabedelo. Outra medida é que a diretoria comercial está estudando junto com o governo, a contratação de novos concursados. Houve uma mudança no cadastro de usuários, que de agora em diante, àqueles que consomem acima de 30m³, considerando a média dos últimos 6 meses, serão enquadrados como grande consumidor, passando a uma categoria que precise mais atenção. Estão desenvolvendo um projeto de universalizar a informatização e o banco de dados para agilização dos processos.

Na área de Expansão, o diretor explanou dos grandes investimentos que tem sido feito com as obras do PAC I, II e III em todo estado num total de R$ 335.900.000,00, na área de água e esgoto. Os projetos são de esgotamento sanitário, construções de adutora, ampliação de barragens, construções de ETAs, EEEs e etc. O diretor lamenta o fato que algumas construtoras que vencem a licitação, abandonarem as obras, atrasando a execução dos projetos. Outra dificuldade é a quebra de emissários e adutoras parte dos proprietários rurais, mas segundo a Diretoria, vão acionar os órgãos de fiscalização da SUDEMA, do Ministério Público, a saúde pública, entre outros, para coibir essas práticas.

Houve uma rodada de debates do público presente sobre mais ações da diretoria para tirarmos a CAGEPA dessa situação complicada: O STIPDASE-PB contribuiu com indagações e reivindicações, como: Mais comunicação do CAGEPA para com os trabalhadores; qual será a posição tomada em relação ao projeto do Deputado Janduy Carneiro no resgate dos débitos antigos junto as prefeituras, porque a nosso ver, seria um tempo muito longo para recebimento desses débitos? Como anda as concessões dos municípios, haja vista que nos preocupa? Como andava as conversas com o TCE e SERASA para ajudar no recebimento desses débitos antigos? Aproveitamos o momento para fazer algumas denúncias a respeito de condições de trabalho dos Operadores, Agentes de Manutenção e Leituristas em todo estado, já surtindo efeito ontem (17/08), já que, fomos procurados pelo o engenheiro da área para ouvir os relatos e tomar providências. O objetivo das denúncias é melhorar as condições de trabalho, assim, levantar a motivação dos nossos servidores.

Ao final, Deusdete Queiroga, falou das ações que já estão sendo tomadas, diante dos questionamentos: A CAGEPA já encaminhou a justiça o nome de 19 instituições privadas para acioná-las à quitação de débito junto à empresa, ontem (17/08) encaminhou o nome de 80 prefeituras ao CADIN e se reuniu com os bancos privados para renegociar as dívidas, revendo algumas cláusulas contratuais polêmicas. Também já se reuniu com a SERASA para estudar a melhor maneira de resolver a inadimplência.

A Diretoria, diante de tudo que já foi discutido, se comprometeu de entregar às entidades, no máximo dia 15/09, o plano estratégico de ação para recuperação da CAGEPA. Continuaremos firme na vigilância e contribuindo para que seja posto em prática o que foi discutido.

Agradecemos aos trabalhadores que participaram das manifestações e contribuíram decisivamente para que nossa união acontecesse.

 

A DIRETORIA

%d blogueiros gostam disto: